sexta-feira, 18 de setembro de 2009

E as actividades...

no centro de dia onde faço voluntariado, estão prestes a começar.
Depois de conhecer todos os utentes do centro de dia, sinto-me preparada para dar inicio às actividades. Estou um pouco nervosa é verdade, receosa também com medo de desagradar algum utente ou que eles se recusem simplesmente a participar....o que é normal.
A maioria dos utentes encontram-se angustiados e deprimidos. São vários os medos, as angustias, as perdas ao longo da vida.
Quero contribuir para um melhor envelhecimento, mas sabendo desde já que irei ter alguma dificuldade em po-los a "mexer", resolvi por agora não exigir muito deles.
Apenas quero cativar a sua confiança, trabalhar a parte emocional, para depois avançar com algo mais ambicioso.
As actividades começam já no dia 22 e irei começar pela alfabetização. Cerca de 80% dos utentes não sabem escrever o seu nome, e uma vez que todos querem aprender, irei começar por aí.
Depois seguem-se outras actividades.
Como pretendo divulgar o meu trabalho, pois sei que existe muitas dificuldades em arranjar actividades para idosos, irei colocar aqui todas as actividades a que me propus para este ano, assim como os seus objectivos.
Espero que gostem e que possa de alguma forma contribuir para o trabalho de alguém. Aqui vai:

Actividades propostas e seus objectivos


o Alfabetização

A alfabetização no idoso, além de contribuir para o aumento da auto-estima, permite uma maior destreza no dia-a-dia.
Cerca de 80 % dos utentes da instituição não sabem ler nem escrever o seu nome. Alguns porque simplesmente já se esqueceram, outros (a maioria) porque nunca aprenderam.
Inicialmente os utentes irão apenas aprender a escrever o seu nome completo; mais tarde aprenderão mais 27 palavras, com as quais poderão escrever um texto.
Porque se pretende estimular a memória, esta actividade será realizada diversas vezes e em dias alternados.
Para os utentes que sabem escrever, serão propostas outras actividades. Estas têm como o objectivo combater o desuso da escrita. Assim, será proposto aos utentes que escrevam sobre qualquer assunto que têm dificuldade em dizer com palavras, escrever uma história, um diário, etc.


o Terapia de Grupo

Várias são as dificuldades que vão surgindo ao longo da estrada da vida: A flexibilidade visual-motora; a memória, nomeadamente a memória a curto prazo; a agilidade mental; a capacidade de transferência; a concentração de atenção.
Um conjunto de factores poderá ou não estar presente no declínio, sendo os principais: biológicos, psíquicos e sociais. São estes factores que podem preconizar a velhice, acelerando ou retardando o aparecimento e a instalação de doenças e de sintomas característicos da idade madura.
A terapia em grupo permite que todos desabafem sobre as dificuldades encontradas no dia-a-dia. De forma a vencer os obstáculos serão propostas estratégias de combate aos mesmos.
Num espírito de grupo, de companheirismo e camaradagem, tentarei com a ajuda dos utentes solucionar os problemas de cada um.
A terapia de grupo terá lugar no último dia de cada mês.


o Leitura do Jornal

Ler, discutir e opinar. Isto é muito diferente do que ouvir simplesmente as notícias. Muitas vezes a mensagem é mal entendida.
É preciso explicar novos conceitos, novas doenças, novas políticas, para que todos se sintam integrados.
Mensalmente haverá uma discussão em grupo, notícias relevantes sobre o País e sobre o mundo.
Pretende-se também, desmistificar preconceitos existentes em alguns utentes através de discussões de temas polémicos.


o Trabalhos manuais

Os trabalhos manuais não são uma actividade nova na instituição. A maioria dos utentes revelou gostar bastante, pelo que deverão continuar.
Pintura, rendas, costura; decorações de caixas, entre outras, farão parte das actividades.


o Poesia

Tentar a poesia. Porque não?
O objectivo é obter capacidade de improviso, de estimular a memória e de conviver socialmente.
Um a um, todos terão oportunidade de improvisar e de contribuir para a criação de um poema: o poema criado pelos utentes do Centro de Dia.
Esta poesia poderá ser apresentada pelos próprios, numa data comemorativa da instituição.



o Histórias de encantar


As histórias de encantar são contadas pelos utentes do centro de dia. Será proposto a cada um que conte uma história sobre si, sobre a sua infância, amigos, família, trabalho, etc. Depois de ouvida a história será proposto ao restante grupo que façam perguntas à pessoa.
A intenção é que o utente se sinta importante, o centro das atenções e que se conheçam mais um pouco, favorecendo o convívio social.
Com a devida autorização da instituição e dos utentes, a história poderá ser passada para o papel para mais tarde recordar.


o Jogos/actividades variadas

São vários os jogos que estimulam a inteligência e a memória. Devido à quase inexistência de jogos para idosos, irei recorrer a jogos para crianças mas adaptados aos idosos. São sobretudo jogos de raciocínio lógico, de memorização e de criatividade, tais como: Jogos de Xadrez, Palavras Cruzadas, Loto, Quiz, Jogo Tangram, sessão de anedotas; sessões de canto; visualização de pequenos filmes, de festivais da canção, dinâmicas de grupo, etc, farão parte das actividades propostas.

o Saídas

Com a devida autorização da instituição, gostaria de realizar uma vez por mês uma saída à Igreja de São Lourenço a fim de assistir a uma missa.
A fé, a deslocação para uma igreja trará certamente capacidades positivas a muitos utentes, dando-lhes força para acordar mais um dia.

o Massagens

Com a autorização da Instituição, será realizado em alguns dias, uma sessão de massagens. As massagens serão efectuadas por uma massagista profissional que ofereceu voluntariamente os seus serviços e o seu tempo. O objectivo é melhorar a circulação, libertar tensões, e sentir o toque de alguém que está ali apenas por ele/a.
Até lá...rezem por mim... :-)

1 comentário:

  1. Olá catarina,gostei muito do seu blogue!!!
    Gostava imenso de poder trabalhar com este público alvo. Tenho um curso de 1200h de geriatria e o 12º ano do curso tecnológico de acção social.A área do social sempre me despertou muito interesse!!
    Neste momento ,encontro-me desempregada e disponivel para emprego.
    A Catarina sabe-me dizer se estão a admitir pessoal? o meu endereço electrónico é: mcms_1320@hotmail.com
    saúdações,
    maria seabra

    ResponderEliminar